quinta-feira, 11 de julho de 2013

Enfardadeira manual

     Não é novidade para ninguém que tentamos ao máximo "des"mecanizar muitos processos de fabrico. Neste caso, descobrimos algures pela internet, uma enfardadeira manual que não mais saiu da cabeça do engenhocas da Casa da Pucariça!


Pôs mãos à obra e construiu a enfardadeira reutilizando paletes.

     Como é que funciona? Ora vejam:

     Primeiro há que cortar o pasto com a ajuda de uma gadanha (sim, aquela dos filmes de terror!) e deixar secar.

Gadanha e engaço.

Depois de seco, começa-se por juntá-lo num monte.

Desafiamos os corajosos a tentar fazê-lo recorrendo a esta proeza!

Começa-se a encher a enfardadeira.

Prensar ou pisar as uvas, como preferirem.

Acrescentar até ficar cheia.


É provável que seja necessário a ajuda de uma segunda pessoa para prensar melhor.

A tampa ajuda, juntamente com a alavanca, a pressionar o suficiente para atar o fardo.

Et voilá! 10 minutos de trabalho para cada fardo.

Bem paralelepipédico!

4 comentários:

  1. Olá
    pode por favor colocar mais fotos da gadanha. Também sou adepto de não usar mecanismos a petróleo... ou derivados.

    Obrigado pela informação

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, adicionámos a foto da gadanha na mensagem. Obrigado

      Eliminar
  2. Grandes valentes do trabalho manual.

    ResponderEliminar
  3. Olá...Só nestes dias é que tomei conhecimentoda vossa casa e do vosso projecto. fiquei bastante interessado no trabalho com a gadanha. Poderia dizer-me onde posso arranjar uma igual a essa?

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...